Coluna Almanaque: PARA TODAS AS MULHERES

Por Fábio Marques

 


Por Fábio Marques

Nesta segunda-feira, 08 de Março, celebra-se o Dia da Mulher. A ocasião é propícia para a reflexão acerca do papel social das mulheres sob todos os aspectos. Fêmea, mãe, parceira, ser humano e cidadã. Dotadas de potencial que parece jamais se esgotar, pacientes, amigas, as mulheres que ajudam os homens e trabalham rezando pelos seus sucessos na vida, às vezes ignoram este potencial que possuem servindo apenas como se fossem escoras com obrigações prescritas para agradar aqueles que não as valorizam pelos sacrifícios de si próprias em defesa da família quando o correto seria crescerem juntos, homens e mulheres, a fim de construir uma vida melhor com mais igualdade e dias mais felizes para todos.
##########
O registro da história tem nos mostrado que as mulheres sempre ficaram à distância dos fatos e da vida social. Tinham poucas vozes e direitos. Até início dos anos 1900 as mulheres eram proibidas de irem à escola. Eram educadas para casarem, cuidarem da casa e das crianças. Após muitas batalhas é que foram conquistar o direito ao voto político e ao trabalho fora de casa. Hoje já desfrutam da igualdade racional. Venceram percalços e desafios. Com a conquista da autonomia, as mulheres já são responsáveis por seus próprios desejos, suas paixões, compaixões e convicções. Hoje as mulheres se destacam na política, na economia, no mundo dos negócios, na área médica, nos desportos, na imprensa, nas profissões liberais, nos fóruns judiciais, enfim, em todos os setores.
##########
Mas ainda há um gosto amargo de vitória parcial. Apesar das conquistas e avanços, a batalha das mulheres ainda é por maior dignidade, maior respeito entre os sexos opostos, maior procura por um mundo mais humano, solidário e fraterno.
##########
O titular desta Coluna deseja a todas as mulheres muitas vitórias, muito sucesso em suas vidas e profissões, muita paz de espírito, muita saúde e muita harmonia em seus lares.
##########
Decretos do Governo agora proíbem lojas comerciais, bares, tabernas e restaurantes de abrirem suas portas aos fregueses por conta da doença Corona-Vírus. Ora! A Corona-Vírus também se propaga no interior das casas e entre pessoas da mesma família. Esquece o Governo de que a melhor forma de se manter distância da moléstia é mantendo distância das pessoas, não aglomerar. Se o comércio continuar a trabalhar de forma responsável e organizada, de maneira alguma vai expandir a pandemia.
##########
Quando as lojas comerciais, os bares, os restaurantes estão fechados, as contas pendentes continuam correndo. Mandando os empregados embora por conta dos decretos, as consequências são terríveis. Com a economia parada, sem capital a circular, sem dinheiro para sobreviver, estas pessoas passarão fome amanhã para depois de amanhã morrerem nos hospitais. Ou na pior das hipóteses, partirão para o crime para a obtenção das refeições na cadeia.
##########
Alguns apedeutas que palpitam nesta Coluna procuram menosprezar o trabalho próprio do jornalismo de opinião. Precisam entender que Jornalismo é uma atividade intelectual. O desprezo com que alguns distintos têm tratado as matérias só despertam suas próprias despeitas.
##########
Por hoje é só.


*Da seleção das melhores crônicas do autor.
*O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Mamoré não tem responsabilidade legal pela "opinião", que é exclusiva do autor.


Vagas abertas para a segunda turma de Enfermagem!

Polo Guajará-Mirim:

Avenida XV de Novembro, 1922 - Em frente ao Ginásio Afonso Rodrigues

(69) 3541-5375


Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. Confira nossas redes sociais: 

Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem