GUAJARÁ-MIRIM Rondônia

Vereador Elias Crispim emite Nota de esclarecimento sobre matéria caluniosa e mentirosa

 

                                                               Elias Crispim Ribeiro

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Venho através desta, prestar alguns esclarecimentos à querida população de Guajará-Mirim sobre uma matéria absurda, mentirosa e difamatória que circula pelas redes sociais que envolvem dois vereadores desta cidade, eu e o vereador, Alexandre Melo. Tomei ciência da mesma na semana passada, após eu ter chegado de uma viagem que fiz a Porto Velho por motivo de saúde. O conteúdo veiculado pela mesma trata-se uma manchete “bomba”, segundo seu desconhecido autor. A manchete é seguida de uma redação estapafúrdia que expõe possíveis fatos baseados em inverdades, muito mal redigidos, diga-se de passagem. Em suma, uma narrativa ordinária feita por um autor com mesmo adjetivo, isso para ser econômico com minhas palavras. A meu ver esse esterco travestido de notícias, certamente fora encomendado por pessoas ineptas e inescrupulosas, seres maléficos cujos objetivos são de atingir minha honra e honestidade, princípios estes que não teriam como fazê-lo pessoalmente por falta de argumentos e coragem. E que daí fazem uso desses tipos de recursos midiáticos sórdidos para espalhar notícias fakes em redes sociais na tentativa de mudar a opinião positiva que a população tem ao meu respeito e a outros vereadores que não se vendem ao sistema. Seguramente, posso afirmar que todos os meus eleitores e quem me conhece sabe que esses estrumes gramaticais fantasiados de notícias não passam narrativas imbecis, escritas por autor imbecil e covarde que nem ao menos tem a coragem de assinar pelo que escreve e, que ainda, se diz representar site sério de jornal estadual, o que a meu ver também pode ser fake. Vai lá saber.

O que quero é que a população saiba que, da minha parte, PARA ESSA PESSOA OU ESSAS PESSOAS, porque eu sei que se mexer na fossa o fedor aumenta e muito, só me resta dizer que, realmente eles noticiaram uma notícia “BOMBA”, uma verdadeira bomba... DE VENTO; sem teor, sem verdade, sem escrúpulos, sem caráter, sem-vergonha. Aliás, são tantos “sem” que após eu ter lido, ainda tive que refletir bastante para ver se valia a pena dar alguma resposta. E, como quem NÃO DEVE, NÃO TEME, para esses fantasmas blogueiros, veiculadores de notícias falsas, que visam manipular opiniões e denegrir imagens com suas MANCHETES BOMBÁSTICAS que NÃO VALEM UM CENTAVO FURADO, cujas evidências são pautadas em achismos e hipóteses, e não na VERDADE NUA E CRUA dos fatos, verdade que só se autentica com provas concretas e não com redação falaciosa; A MINHA RESPOSTA, mesmo tardia, é o meu nojo e repugnância a esse ato tão horrendo, que se depender de mim certamente terá seus desdobramentos legais em breve.

Relutei muito, não queria abordar esse assunto e assim dar mais ibope para essa notícia injuriosa, já que meus eleitores, familiares e amigos conhecedores do meu caráter, honestidade e também do meu posicionamento político, já de cara refutaram integralmente; mas como devo também manter informada parte da população que não me conhece, para evitar que entre na narrativa e seja desinformada por essas pessoas nojentas, foi que resolvi expor minha opinião através desta nota.

Para quem não leu, a manchete da tal matéria é a seguinte: BOMBA: DOIS VEREADORES DE GUAJARÁ-MIRIM “TRAMAM” REUNIÃO PARA TRAIR DEPUTADO E APOIAR GOVERNADOR. Em minha interpretação, o energúmeno autor, que não sabe nem escrever uma notícia, em resumo, na sua narrativa esdrúxula e fantasiosa, faz menção a sete personagens: Eu, o vereador Alexandre Melo, o presidente do partido Patriota Coronel Flávio Deserte, o candidato a Prefeito na última eleição, o senhor João Soares, também o Governador do Estado Marcos Rocha e o Deputado Léo Moraes. A notícia veiculada, pelo que entendi, gira em torno de quatro pontos de desinformação: o primeiro ponto, diz respeito à suposta realização de uma reunião secreta que eu tenha participado juntamente com vereador Alexandre, o Coronel Marcos Rocha, o Coronel Flavio Deserte e o candidato a prefeito derrotado nas urnas João Soares; o segundo ponto, seria uma primeira hipótese, vejam bem, “hipótese”, feita por esse meliante projeto de repórter, que seria a de que estaríamos tramando contra o Deputado Léo Moraes, apoiando o governador do Estado a uma eventual reeleição em 2022, traindo deslavadamente o tal deputado; o terceiro ponto, é também uma segunda hipótese, a de que desta reunião também teria saído um plano “diabólico” para pressionar um possível afastamento da prefeita Raissa Bento e, por último o quarto ponto, onde o paquiderme autor, sugeriu que os dois vereadores estariam pleiteando cargos no governo e que a Prefeita Raíssa insistentemente não cedia às pressões dos dois edis por cargo.

Então vamos aos fatos, o primeiro ponto, da reunião secreta, trama secreta. Posso dizer que parece coisa de filmes, que só poderia sair do imaginário de um lunático. Tenho mais o que fazer, meus trabalhos são sempre às claras, e diferentemente de muitos aproveitadores que conheço, não sou homem de me esconder nas sobras e nem cobra que rasteja e fica escondida no buraco esperando para dar o bote.

O segundo ponto, a hipótese de apoio à reeleição do Governador e traição ao Deputado Léo Moraes, saliento que em primeiro lugar não tenho intimidade com nenhum deles dois, e tampouco tenho rabo preso com qualquer político que seja, o que me dá abertura para criticar qualquer um deles se nada fazem pelo estado ou por nosso município. Tudo que ambos procurarem fazer para benefício do nosso povo sofrido será sempre bem-vindo, pois faz parte de suas obrigações como agentes públicos eleitos pelo povo a que a ele devem servir. Enfatizo que da minha parte eu sirvo ao povo. É certo que tenho sim cobrado de forma veemente pelo término da construção do nosso hospital que é uma das maiores aspirações de nossa população para resolver os problemas graves na saúde pública que enfrentamos em nossa cidade, E isso passa pela ação governamental juntamente com nossos ilustres deputados, bem como a participação e efetiva do Ministério Público para cumprimento da obra. Enfim, cada um que faça a sua parte. O que sei que ao exercer a minha, não enxergo siglas partidárias, pois a partir do momento que somos eleitos seja VEREADOR, PREFEITO, DEPUTADO ESTADUAL/ FEDERAL, GOVERNADOR, SENADOR OU PRESIDENTE, assumimos responsabilidades e devemos buscar de todas as formas, amparadas pela CF 88 e pelas Leis municipais, de buscar soluções, independentes de ditames partidários, principalmente se estes contrariarem a legalidade ou afrontarem minha honestidade.

O terceiro ponto, sobre a hipótese de tramarmos o afastamento da Prefeita Raíssa Bento, digo que não sou de tramar nada pelas costas, o que tiver que dizer ou fazer legalmente no desempenho de minha função de vereador eu abordo diretamente a quem de direito. Sempre expressarei meu respeito e apoio a tudo que de bom ela fizer, mas também minhas críticas e oposição a tudo que ela fizer de errado, esse é ponto. Cada um que responda por seus atos. Meus votos a favor ou contra os projetos do executivo pautados na Câmara não me definem como oposição ou apoio à gestão, eles sempre visarão o bem comum de nossa cidade e ponto. Sobre pretenso afastamento da mesma, o que é sabido por todos nós, é de que há um processo que tramita na justiça eleitoral e quanto a isso, quero deixar bem claro que NÃO ME DIZ RESPEITO! Não me cabe quanto vereador exercer qualquer tipo de pressão prol ou contra a Prefeita neste caso. Quem sou eu para ter poder de interferir no judiciário? Cada qual com seu cada qual - Assim diz a Lei.

Por fim, sobre o quarto e último ponto, só posso dizer que não sou puxa-saco, bajulador e interesseiro como muitos o são. Não é de minha índole barganhar cargos em troca de favores. Tenho princípios sólidos. Minha dignidade e honestidade me precedem. E, definitivamente, eu não estou à venda e nunca estarei! A saber, tenho em meu gabinete apenas um assessor legislativo decretado e que a lei me ampara ter. Não tenho nenhum outro cargo a mais nem tampouco trabalhando na prefeitura. Caso qualquer pessoa queira, pode pesquisar quantos cargos tem cada vereador na câmara ou até na prefeitura e assim tirar suas conclusões sobre quem realmente é representante do povo.

Para finalizar esta nota, que também serve como nota de repúdio a esse ato criminoso, que se utiliza de meios sórdidos para manipular e alienar a opinião pública em prol de projetos de poder de grupos políticos e seus comparsas; digo que NÃO ME INTIMIDO e continuarei atuando com a verdade e com a responsabilidade, doa a quem doer. Minha credibilidade e minha consciência não sofreram abalo por causa dessa “faltícia”(falsa notícia). Mas, tenham a certeza que usarei o respaldo que a Lei me ampara para responsabilizar a(s) pessoa(s), os Sites que vinculam essa maliciosa matéria, assim como outros que se sentiram no direito de dar ênfase a ela, mesmo sem o devido conhecimento da realidade dos fatos.

Agradeço a compreensão de quem tirou um tempo para ler esta nota e despeço-me.

 

Seu vereador Elias Crispim Ribeiro

Fonte: Assessoria


Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. Confira nossas redes sociais: 

Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem