Residência de casal preso por tráfico de drogas é incendiada em Guajará-Mirim

As mães denunciaram o fato na 1ª Delegacia de Polícia Civil.

As mães denunciaram o fato na 1ª Delegacia de Polícia Civil
 A residência localizada a Avenida Mascarenhas de Moraes, 2776, bairro Santa Luzia, município de Guajará-Mirim/RO, foi alvo de incêndio criminoso, conforme denunciou as mães do casal.

 

A mãe de 47 anos, de Weuller Acácio Ferreira, de 27 anos, procurou a Delegacia de Polícia para informar o incêndio na residência de seu filho, preso no último domingo 11, juntamente com sua esposa Gilvânia Emely Gomes Dias, de 21 anos, por comercializarem drogas e associação para o tráfico (https://www.omamore.com/2021/07/sevic-e-nucleo-de-inteligencia-prende.html). A mãe informou que encontrou no local: um galão de gasolina, uma faca, um martelo e a porta da casa estava violada. Ela acredita que foi criminoso, afirmando que no último dia 04 de julho, quatro homens invadiram a residência e espancaram seu filho, ao tentarem colocá-lo dentro do carro ela chegou e os agressores fugiram. De acordo com investigações levantadas pelas Polícias e apuradas pela reportagem do jornal e site O Mamoré, Weuller também está sendo acusado de facilitar o translado de veículos roubados para a Bolívia, por meio de diversos portos clandestinos, ele também tem contato com diversos receptadores bolivianos, facilitando a venda dos bens.

 

A mãe de 44 anos, de Gilvânia Emely, também presa com o esposo, denunciou o incêndio criminoso na residência da filha. Segundo relatos da mãe, a residência ficou totalmente destruída e tudo que havia dentro foi queimado. Também informou a destruição de documentos pessoais do casal e dos filhos dos mesmos.

 

As mães solicitam providências da Polícia Judiciária que o caso requer.

 

Fonte: O MAMORÉ

                                                Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. 

Confira nossas redes sociais:  Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm\



Postagem Anterior Próxima Postagem