Sevic cumpre mandado de prisão a acusado de praticar vários assaltos de motocicletas em Guajará-Mirim

Ao tirarem de circulação Rafael, os policiais cumpriram com sua obrigação, assim como o Poder Judiciário cumpre com seu papel em mante-lo preso.

A Justiça determinou que Rafael Alves permaneça preso e a ordem foi cumprida pelo Sevic
 Rafael Alves Ferreira, de 23 anos, está preso na Unidade Prisional de Guajará-Mirim/RO, localizada na BR Engenheiro Isaac Bennesby (BR-425), próximo ao município de Nova Mamoré/RO, após ser preso por policiais civis de posse da arma de fogo de uma agente. Nesta segunda-feira, 12, os agentes do Sevic (Serviço de Vigilância, Investigação e Captura) cumpriram mandado de prisão em desfavor do mesmo sob acusação de diversos assaltos a mão armada em Guajará-Mirim.

 

Rafael foi preso na madrugada do dia 23 de abril do corrente ano, quando ele e um adolescente de 17 anos chegava cada um em uma motocicleta modelo Fan, de cor vermelha, roubadas na noite anterior, 22, para que fossem cruzadas pelo “Porto do André”, localizado bairro Cristo Rei. Os agentes do Sevic estavam de campana e prenderam Rafael, o morador André Elizeu Pereira de Barros, de 27 anos, Darlyson L. O., de 29 anos, ajudante de André e apreenderam o adolescente. Durante todo o dia foram realizados os interrogatórios e flagrantes, na noite do mesmo dia Rafael foi conduzido por uma policial civil e um comissariado de plantão até o Hospital Regional Perpétuo Socorro para realização do exame de corpo de delito, durante a espera Rafael algemado tomou a arma da agente e entrou em luta corporal com o comissariado, após efetuar três disparos, não conseguindo atingir ninguém, ele fugiu. Ainda mesmo algemado, Rafael com a arma em punho assaltou um motociclista que passava no momento em frente ao Hospital Regional. Rafael conseguiu fugir e conseguir abrigos, até que no dia 26 do mesmo mês foi preso e recuperada a arma de fogo da policial. Rafael tentou contra a vida dos policiais no momento da prisão que tiveram que usar da força moderada para conter o rapaz que resistiu à prisão. Um policial saiu lesionado e preferiu não receber atendimento médico.

 

Rafael confessou o assalto na noite do dia 22, um dia antes de ser preso pela primeira vez, no bairro Próspero, das duas motocicletas Fan recuperadas. Acusado de outros roubos, Rafael foi denunciado à Justiça que se manifestou expedindo o mandado de prisão em desfavor do mesmo e cumprido nesta segunda-feira dentro da Unidade Prisional.

 

O jornal e site O Mamoré acompanhando o processo do acusado, por meio do sistema do Tribunal de Justiça de Rondônia, teve informações que os policiais civis que realizaram pela segunda vez a prisão de Rafael e recuperando a arma de fogo de um policial, foram denunciados pelo mesmo de o terem lesionado. Os agentes do Sevic investigavam um outro caso quando prenderam, recuperaram duas motocicletas e descobriram que Rafael era o assaltante que aterrorizava durante a noite se apossando de veículos e ainda era bastante agressivo com as vítimas, assim como colocou em risco a vida da agente, do comissariado de plantão, dos funcionários e pacientes naquele momento no Hospital Regional, e também dos próprios agentes do Sevic durante sua prisão. Ao tirarem de circulação Rafael, os policiais cumpriram com sua obrigação de oferecer segurança a comunidade guajaramirense, assim como o Poder Judiciário cumpre com seu papel em mantê-lo preso.

Fonte: O MAMORÉ

                                                Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. 

Confira nossas redes sociais:  Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm\



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem