Diretor evita furto em escola no fim de semana

O invasor disse que ateou fogo nos fios da escola para não dar mosquito. Vários instrumentos musicais estavam separados.


Mais uma vez a Escola Estadual Capitão Godoy foi alvo de invasão, durante a tarde deste sábado, 21. O diretor deteve o invasor enquanto aguardava o apoio de policiais militares.

 

Ao O Mamoré foi informado que o diretor de 41 anos, da Escola Capitão Godoy, estava em sua residência quando por volta de 17h30min recebeu mensagens de populares informando que havia alguém dentro da escola violando as portas, o diretor chegou no prédio e notou fumaça escura, acabou esquecendo as chaves e teve que pular o muro, ao entrar obervou fios sendo queimados na quadra de esportes, em seguida avistou um homem dentro do anfiteatro. O diretor perguntou ao homem o que ele fazia dentro da escola, momento que o invasor tentou correr e acabou tropeçando e caiu, sendo contido pelo responsável daquela unidade escolar até a chegada dos policiais militares. O homem ralou os dois joelhos, já o diretor sofreu escoriação no pé do lado esquerdo.

 

O diretor avistou vários instrumentos musicais da banda da escola no quanto do muro, uma bota de uma funcionária também foi separada, o homem até então não identificado disse que era funcionário do município, agente de saúde, afirmando estar fazendo um serviço voluntário limpando a quadra de esportes na escola e bastante alterado não quis fornecer seus dados aos policiais. O homem confessou que teria ateado fogo nos fios que estavam na caixa de energia para não dar mosquitos na escola, também queimou o mato, alegou que estava alto. Quanto aos instrumentos musicais o invasor disse que não separou no canto do muro. Os policiais militares deram voz de prisão ao homem por invasão, furto e danos ao patrimônio público. Uma equipe do Núcleo de Inteligência (N.I.) do 6º Batalhão de Polícia Militar de Fronteira ao prestar apoio para conduzir os produtos furtados reconheceu o homem como sendo Luciano G. A., 55 anos.

 

O acusado juntamente com os objetos retirados de dentro das salas e prontos para serem levados do prédio, foi entregue a Polícia Judiciária para que providências fossem tomadas.

Fonte: O MAMORÉ

                                                Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. 

Confira nossas redes sociais:  Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm\




Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem