GUAJARÁ-MIRIM Rondônia

Descobrindo a aldeia Sagarana, contada pelos próprios indígenas

 


A Aldeia Sagarana iniciou um processo de registro da sua história, costumes e hábitos, além de comunicar seus desafios e dificuldades, através de um projeto cujo proponente é um indígena de nome Patokwe Uru Arowa, morador do local. Através dos olhos dos indígenas moradores da aldeia passamos por relatos históricos e de problemáticas vivenciadas pela comunidade até os dias atuais.


O referido projeto foi contemplado pelo prêmio do edital Edital nº 34/2021/SEJUCEL-CODEC, 2ª Edição Mary Cyanne - Prêmio de Produção Artístico-Cultural para transmissões ao vivo/gravadas através da Lei Federal 14.017/2020 – Lei Aldir Blanc, Governo do Estado de Rondônia, Fundo Estadual de Desenvolvimento da Cultura – FEDEC/RO e Governo Federal.


Os apresentadores, por serem também artistas, nos brindam com seu relato de seus trabalhos artísticos no teatro e filmes premiados no cinema, além de nos brindarem com a exibição de dois curtas produzidos dentro da aldeia, em co-produção francesa. E quem o ajuda nessa contação de histórias é seu amigo, parceiro e artista Wao Xinto.


A live em vários momentos nos traz o olhar de dentro da floresta, o olhar de quem observa a sociedade dita “civilizada”. É um olhar questionador que incita reflexões profundas sobre nossa coexistência com todos os seres desse planeta.


Segue o link da live: https://www.youtube.com/watch?v=qut5YgbzS5

Fonte: O MAMORÉ








                                     Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. 
Confira nossas redes sociais:  Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm\


Rádio Comunitária FM
On line


Mistura Forrozeira
Apresentação Didi

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem