PM e PRF recuperam veículo em Guajará-Mirim e vítima residente em Jaci-Paraná ainda estava desaparecida

Cinco pessoas foram presas e flagranteadas por roubo e associação criminosa.

O carro foi apreendido dentro da casa
O assalto de um veículo modelo Toro, de cor vermelha, placa NDJ 7H81, ocorrido na noite de quinta-feira, 25, na zona rural de Jaci Panará/RO, foi recuperado no município de Guajará-Mirim/RO por policiais da Polícia Rodoviária Federal e do 6 Batalhão de Polícia Militar de Fronteira. Cinco pessoas foram presas na residência e a vítima até a localização do carro ainda estava desaparecida.

 

Os agentes da PRF recebem informação que um carro Fiat Toro, de cor escura durante a noite de quinta-feira passou em alta velocidade pelo município de Nova Mamoré, uma guarnição iniciou o acompanhamento tático ao veículo que não parou e tentou fugir dos agentes adentrando no município de Guajará-Mirim, sendo localizado o automóvel estacionado na garagem de uma residência situada a Avenida 12 de Outubro, bairro Tamandaré. Quando os agentes da PRF se aproximaram um homem fugiu, na casa estavam: Missilene S.F., de 39 anos, Daniel S. M., de 25 anos, Roniscley M.  O., de 45 anos, Cássio B. R. de 26 anos, e Bruna E. R. S. C., de 20 anos. Com apoio de policiais militares todos foram conduzidos a Delegacia de Polícia Civil.

 

Cinco pessoas foram presas, em Guajará-Mirim, envolvidas no caso e a vítima foi localizada após a recuperação do carro

Os policiais ao constarem a situação do veículo, não havia restrição, suspeitando da situação e da fuga do homem ao notar a presença da PRF, sendo identificado José M. S. F.  policiais militares entraram em contato com uma guarnição da PM de Nova Mutum Paraná repassando informações do veículo pertencente a vítima de 35 anos residente no Distrito de Jaci Paraná. Na residência da vítima encontraram a esposa da vítima que informou que seu esposo havia saído com o carro e até aquele momento não havia retornado, não sabendo o seu paradeiro. Os policiais passaram a diligenciar os locais transitados pela vítima, momento depois depararam com a vítima transitando na BR-364 em frente a Linha 101, a vítima informou que por volta de 20h passava pela ponte a Linha 101, ao ser rendido por três assaltantes armados com duas espingardas, aparentando serem calibre 20 e 36, e um revólver calibre 38. A quantia de R$ 500,00 em espécie e o aparelho celular da vítima foram tomados, permanecendo sob a mira de um assaltante enquanto os demais teriam levado o seu veículo para atravessar a Bolívia, conforme chegou a ouvir por meio de ligação entre um dos assaltantes. Foi solto por volta de 01h45min, na Linha 101 km 2, após o bandido exigir que ele ficasse cerca de 1 hora naquele local aguardando, a vítima esperou por algum instante e depois saiu, quando transitava pela rodovia deparou com a viatura da PM, ao ser informado que seu automóvel fora recuperado e haviam cinco pessoas detidas.

 

A ocorrência encerrou durante a manhã de sexta-feira, 26, quando foi apresentado ao delegado plantonista. De acordo com depoimentos das pessoas conduzidas a Delegacia, Daniel afirmou que chegou a casa por volta de 22h30min e lá já estavam as pessoas de Jamerson (fugiu), José Matheus (também fugiu) e os conhece de vista, também estava a pessoa de Bruna e um homem que não sabe dizer quem é, e disse que o carro já estava na casa quando chegou, meia hora depois chegou Roniscley e Missilene. Já Cássio afirmou que foi a residência por volta de 23h30min e o carro já estava na garagem, bem como as pessoas de Daniel, Bruna e outros dois homens que fugiram. Bruna delatou que por volta de 23h foi até a residência de Jamerson, vulgo “Horácio”, para assistir o jogo do flamengo, e lá já estavam as pessoas de Jamerson (o responsável da casa), Cássio e Daniel. Por volta de meia noite de sexta-feira, 26, chegou Roniscleye Missilene, acreditando que eles tenham chegado com o carro apreendido e que durante o jogo Jamerson a cada instante olha pela janela, como se aguardasse alguém chegar. Roniscley disse que o carro já estava na casa quando chegou, e lá estavam as pessoas de: Bruna, Daniel, Cássio e Missilene, de além de outras pessoas que não soube dizer quem era. A mulher Missilene em seu interrogatório citou que por volta de meia noite chegou a residência, no mesmo momento também Roniscley, lembrando que na casa estavam: Daniel, Cássio, Bruna e Jamerson. O delegado não acreditou na versão de confraternização dos envolvidos, autuando em flagrante todos e incurso nos delitos dos artigos 157 (roubo) e 288 (associação criminosa). Após a Nota de Culpa, exame de corpo de delito, os homens foram encaminhados para o presídio masculino e as mulheres para o Albergue Feminino, todos estão à disposição da Justiça.

 

O Serviço de Vigilância, Investigação e Captura (Sevic) investiga o caso e realiza diligências na tentativa de localizar os dois homens que fugiram. O bem da vítima será restituído após passar pela perícia.                 

Fonte: O MAMORÉ


Vagas abertas para a segunda turma de Enfermagem!

Polo Guajará-Mirim:

Avenida XV de Novembro, 1922 - Em frente ao Ginásio Afonso Rodrigues

(69) 3541-5375


Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. Confira nossas redes sociais: 

Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem