GUAJARÁ-MIRIM Rondônia

Dois jovens são presos após intimidarem um segurança com arma de fogo durante madrugada em Guajará-Mirim


 Durante a madrugada de quinta-feira, 25, em Guajará-Mirim/RO, Michel C. Z., de 21 anos e Welison M. F., de 20 anos, foram presos portando arma de fogo e munição.

 

Segundo a Polícia Militar, por volta de 03h40min uma ligação chegou a Central de Operações do 6º Batalhão de Polícia Militar de Fronteira, onde dois homens em uma motocicleta modelo CB 300, de cor preta, teria intimidado o funcionário de uma empresa de segurança. O garupa da motocicleta, trajando camisa de cor vermelha com listras preta e calça jeans, tirou da cintura uma arma de fogo, tipo garrucha, apontando na direção do funcionário. A dupla parou a motocicleta em frente a uma residência situada a Avenida Quintino Bocaiúva, bairro Tamandaré, local frequentado por usuários de drogas e esconderijo para guardar produtos e objetos furtados, como recentemente a Casa de Carne Triângulo (Veja matéria: https://www.omamore.com/2021/03/pm-flagra-tres-pessoas-e-um-adolescente.html), conhecido como “boca do Barão”, entrando na casa. Antes da Rádio Patrulha chegar a casa, a Central recebeu ligações informando que na mesma “boca” ouviram disparos de arma de fogo.

 

Os policiais ao chegarem a casa, depararam com a motocicleta CB 300R, de placa NDP 7888, nos fundos da casa estavam seis pessoas ingerindo bebida alcoólica, ao abordarem uma pessoa tentou se esconder, sendo identificado Michel C. Z., em revista pessoal, no bolso da sua bermuda, foi encontrada uma munição intacta calibre .22, ao ser indagado sobre a procedência da bala o rapaz disse que havia acabado de encontrar no chão da casa e disse ser o proprietário da motocicleta. Ele disse aos policiais que conversa na frente da sua casa, próximo ao local onde foram abordados, na companhia de seu amigo Welison M. F. quando chegou um homem de bicicleta e disse: “Perdeu! Perdeu!”, querendo levar a motocicleta, mas acabou desistindo, os dois no veículo seguiram o homem que entrou na “boca do Barão”. Afirmou que entraram na casa atrás do homem deparando com alguns usuários de drogas, momento que chegou os policiais na casa. Já Welison informou que teria ido até a “boca de fumo” para comprar drogas, porém posteriormente sua versão mudou, concordando com a versão do parceiro e que não estavam armados, mas acabou entrando em contradições.

 

Os policiais revistaram a casa, encontrando atrás de uma tábua da cerca de madeira da casa a arma de fogo, tipo garrucha calibre .22, de fabricação caseira, ninguém quis assumir a propriedade da arma. O segurança informou que o homem que apontava a arma de fogo bateu com as mesmas vestimentas usadas por Welison, camisa de cor vermelha com listras preta e calça jeans, já o piloto da motocicleta vestia camisa cinza e bermuda jeans, conferindo com a vestimenta dos dois, ambos receberão voz de prisão, sendo eles, a motocicleta, capacetes de segurança, aparelhos celulares, documentos pessoais, arma e munição foram entregues na Delegacia de Polícia.

 

A Polícia Judiciária flagranteou a dupla por porte de arma de fogo, arbitrado fiança para cada um no valor de R$ 1.870,00, posteriormente entregues no presídio masculino e aguardam a audiência de custódia.

Fonte: O MAMORÉ


Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. Confira nossas redes sociais: 

Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm\

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem