Nova Mamoré se destaca também na produção de café

Incrustado na fronteira do Brasil com a Bolívia, o município de Nova Mamoré, com 10.072 quilômetros quadrados, mais de 30 mil..

 


Incrustado na fronteira do Brasil com a Bolívia, o município de Nova Mamoré, com 10.072 quilômetros quadrados, mais de 30 mil habitantes, nas áreas rurais e urbanas interligado com Porto Velho pelas Brs 364 e 425, além da produção de leite, mais de 130 mil litros/dia computando com mais 700 mil bovinos de corte começa se destacar pela produção de café. Ali, nos distritos de Jacinópolis, Nova Dimensão e Palmeiras, na safra 2020/2021 que está sendo colhida por estes dias com uma média de 150 sacas de 60 quilos por hectare cultivadas os pequenos e médios produtores rurais, em 33 propriedades calculam depositar nos galpões 3,7 mil sacas do produto.

 

E tem mais: com uma média de 3 habitantes por quilometro quadrado, 1.168 famílias desenvolvendo atividades na pecuária leiteira, conforme endossa o presidente da Sindicato do produtores rurais de Nova Mamoré, Natã Feliciano da Silva, acompanhado pelo técnico do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) que presta assistência aos produtores rurais nos distritos de Jacinópolis, Nova Dimensão e Palmeiras, Clebiomar dos Santos, revelando que a produção de queijo artesanal, soja, arroz, milho, melancia, batata doce, mandioca, galinha caipira, suínos entre outros, torna uma região de fartura.

 

Queijo de Nova Mamoré para Bolívia

Cortado de ponta a ponta pela BR 421 de chão batido que interliga Nova Mamoré com o restante do País, por ali os sítios dos produtores de cafés, Oséias Correa, José Carlos de Oliveira e Alexandre Correa se destacam pela produção de café, com apoio do Senar, Sebrae e Secretaria de Agricultura (Seagri), enquanto outros produzem queijos artesanais para negociar com empresários bolivianos. Todas as quintas-feiras em três propriedades rurais determinadas veículos do País vizinhos buscam em media 5 toneladas de queijos cada um pagando R$ 16,50 o quilo.

 

Não existe nenhuma irregularidade neste tipo de negócio, a base alimentar dos bolivianos é o queijo salgado, como o preço do leite está em baixa no território rondoniense, para os produtores rurais do lado de cá tendo prejuízo na comercialização com os laticínios, nada mais justo do que industrializar de maneira artesanal o produto e negociar com os vizinhos que adquirem e pagam a vista sem pechinchar. Na realidade, é um bom negócio para todos os lados conforme frisa, Natã Feliciano da Silva, falando em nome do sindicato rural de Nova Mamoré.

 

Apoio Oficial

Priorizando as áreas produtivas de pequenos e médios proprietários rurais em Nova Mamoré, profissionalizando agricultura familiar, o gerente técnico e gerencial do Senar, Juvenildo Jovino da silva, aposta no desenvolvimento econômico e social daquele município exatamente pela diversificação de tudo que produz no campo. Com este ponto de vista concordam o Secretário de Agricultura, Evandro Padovani e o diretor técnico do Sebrae, Samuel Almeida, que numa ampla parceria desenvolvem projetos de apoio para desenvolver agricultura naquela região.

 

A Secretaria de Agricultura, conforme expõe Evandro Padovani, vem liberando calcário para consolidar a produção de grãos e bovinos naquele município. Outra preocupação oficial trata-se da regularização fundiária, mesmo que sem conflitos no campo, ali, 70% das áreas produtivas ainda permanecem sem títulos definitivos pelos levantamentos apresentados pelo sindicato rural de Nova Mamoré.

 

Segurança no Parque

No trecho de 10 quilômetros da BR 421 interligando os distritos de Nova Dimensão, Jacinópolis e Palmeira ao município de Ariquemes ligando com a BR 364 cortando o Parque de Preservação Ambientam Guajará-Mirim, a presença das policias militar e ambiental, tornam a passagem pela região agradável, confortável e segura para os que amam a natureza. Das 6:00 horas da tarde à 6:00 da manhã, naquele pedaço de chão coberto de matas verdes e abrigando animais silvestres o trafego de veículos e interrompido e fiscalizado com rigor pelos militares para que os bichos possam desfilar e se deslocar a vontade durante a noite. A segurança no Parque inibe a presença de mal feitores na região.

Fonte: José Luiz Alves

                                                Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. 

Confira nossas redes sociais:  Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm\


Postagem Anterior Próxima Postagem