Ação integrada de fiscalização de mercadoria e empresas é realizada no município

Todas as empresas de Guajará-Mirim devem ser fiscalizadas pela Secretaria, independente da origem das mercadorias

 


Técnicos da Suframa da Área de Livre Comércio de Guajará-Mirim (ALCGM) estão realizando uma ação integrada junto aos auditores fiscais da Secretaria de Estado de Finanças do Estado de Rondônia (Sefin). A partir do dia 1º de julho, além da fiscalização das mercadorias, que é realizada pela Autarquia, todas as empresas de Guajará-Mirim devem ser fiscalizadas pela Secretaria, independente da origem das mercadorias. 

De acordo com o coordenador da ALCGM, Thiago Souza, a ação integrada está ocorrendo nos dias e horário de funcionamento das vistorias internas no posto da Suframa, que é de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h. “Estamos apoiando a Sefin neste trabalho porque acreditamos que a mudança deverá aumentar mais ainda a transparência e a segurança das vistorias realizadas”, afirmou Souza.

Atualmente, existem aproximadamente 650 empresas cadastradas na Área de Livre Comércio de Guajará-Mirim e, em média, dez empresas solicitam o cadastro a cada mês. As empresas com cadastro na Suframa recebem os incentivos fiscais de isenção de IPI e, adicionalmente, o governo estadual concede benefícios no ICMS.

Fonte: Assessoria

                                                Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. 

Confira nossas redes sociais:  Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm\




Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem