Seminário para elaborar o Plano de Desenvolvimento da Agricultura Familiar de Guajará-Mirim tem início

Governo do Estado de Rondônia por meio da Seagri visa promover ações planejadas voltadas a Agricultura Familiar na região.


A elaboração do Plano de Desenvolvimento da Agricultura Familiar está acontece no município de Guajará-Mirim/RO durante a realização do Seminário nesta quinta-feira (11) e sexta-feira (12), no Auditório da Fundação Universidade Federal de Rondônia (Unir), situado à BR-Engenheiro Isaac Bennesby (Br-425). O evento é uma ação do Governo de Rondônia e conta com a participação da Prefeitura, Câmara de Vereadores, bem como representantes de instituições que atuam no setor produtivo da agricultura familiar rondoniense.

O evento iniciou durante a manhã desta quinta-feira e conta com a participação de representantes de associações rurais, extrativistas, cooperativas, comunidade acadêmica, indígenas, Organizações Não Governamentais (ONGs), instituições públicas e representações, além de representantes de instituições financeiras.

A Agricultura Familiar é a principal responsável pela produção dos alimentos que são disponibilizados para o consumo da população brasileira, preocupado com a classe e em desenvolver ações que possam alavancar o setor no município de Guajará-Mirim, o Governo do Estado de Rondônia por meio da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), criou o Núcleo Estadual de Arranjos Produtivos Locais (NEAPL-RO) a fim promover trabalhos e diminuir os principais 'gargalos das cadeias produtivas dentro dos arranjos produtivos homologados'. Também estão envolvidas nos projetos anexados ao núcleo, as instituições municipais de cada cidade, como prefeituras e suas secretarias de Planejamento, Agricultura, Meio Ambiente e Vigilância Sanitária.

O primeiro município no Estado a realizar a criação do Plano Agricultura Familiar é Guajará-Mirim. Durante o evento estão sendo abordados: Crédito para o setor da agricultura e extrativismo; Assistência Técnica e Extensão Rural; Pesquisa e Inovação; Políticas Públicas; e espaço para a comunidade.

 

O técnico da Seagri, José Neves, e representando o secretário da pasta, durante sua fala pediu a prefeita do município, Raissa Paes, que o projeto sai do papel, já que o Governo conta com a parceria dos municípios para dá andamento ao projeto. Neves em nome do Governo do Estado agradeceu a cada participante do Seminário, desde o agricultor, extrativista e as autoridades presentes. 

A prefeita Raissa Paes ao agradecer a ação realizada pelo Governo do Estado ratificou que a Prefeitura vai sim dá o suporte necessário para o desenvolvimento das ações e que o projeto saia sim do papel. 

O secretário Executivo Regional da Casa Civil de Guajará-Mirim e Nova Mamoré, Flávio Derzete da Mota, citou a importância de todos os presentes para a construção dos projetos durante esses dois dias, pois é salutar a participação de cada um. Lembrou também que a abertura de estradas e instalação de energia elétrica em locais mais distantes estão colaborando para escoar a produção agrícola. “Precisamos também voltar a atenção aos povos indígenas e extrativista, em pouco tempo será a grande força do agronegócio, basta apenas que a gente leve condições a eles”, enfatizou Derzete que finalizou sua fala deixando um grande abraço e votos de sucesso, do governador Marcos Rocha aos participantes.

Fonte: O MAMORÉ

                                                Você encontra modelos dos tamanhos P ao EXG. 

Confira nossas redes sociais:  Facebook: M&M Modas  /   Instagram: mmmodasgm\



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem